Como relatar renda do PayPal sem um 1099-MISC

Não incluímos nenhum pagamento feito via PayPal no Formulário 1099-MISC. A Receita Federal não exige que incluamos pagamentos feitos via PayPal no Formulário 1099-MISC; consequentemente, não incluímos esses pagamentos.

A partir de 2022, a Receita Federal exige que o Paypal envie um Formulário 1099-K se os pagamentos totais na sua conta do Paypal ao longo de um ano calendário forem pelo menos $600 (antes eram $20,000). Não é mais necessário atingir um determinado número de transações/pagamentos individuais em um ano calendário, para que o Paypal envie um 1099-K.

Portanto, um único pagamento feito via Paypal durante o ano calendário, totalizando $600, exigirá que o Paypal envie um Formulário 1099-K. O Paypal envia cópias dos 1099-Ks para a Receita Federal.

Muitos parceiros de publicação podem não atingir os limites para o PayPal enviar um Formulário 1099-K. Nesse caso, os parceiros não receberão nem um Formulário 1099-K do PayPal, nem um Formulário 1099-MISC de nós, que inclui os pagamentos feitos através do PayPal.

Os contribuintes podem auto-declarar este rendimento de royalties acedendo à página do seu parceiro Histórico de pagamentos e totalizar os montantes de pagamento efectuados via PayPal durante o ano civil. Para fins de relatório dessa renda de royalties, o pagador é a empresa-mãe do nosso site, a OneBookShelf, Inc..

Informações do pagador

OneBookShelf Inc.

4593 Hancock Way SW

Lilburn, GA 30317

EIN: 20-5670573 

Para os parceiros que também recebem royalties de licenciantes ou freelancers na sua conta de cliente e efectuam levantamentos via PayPal a partir da sua conta de cliente, deverá também visitar a sua página Conta e consultar o relatório do histórico de pagamentos da sua conta de cliente na secção O meu dinheiro da página Conta para obter o total adicional pago via PayPal durante o ano civil

Este artigo foi útil?
Utilizadores que acharam útil: 0 de 0